A Lua - Fases e Marés

Webnode

    

A Lua é o único satélite natural que a Terra possui. Inúmeras hipóteses foram sugeridas acerca de como este astro surgiu. Uma delas é a do "Big Splash" na qual um planeta chamado Théia se chocou com a Terra, fazendo com que essa aumentasse a quantidade de massa. Contudo, com a colisão, que gerou uma grande explosão, um pedaço do então recém extinto planeta Théia teria se despredido e ficado sob influência do campo gravitacional da Terra. Desta maneira, começou a orbitá-la e continua orbitando até os dias de hoje.

 

A Lua é praticamente 50x menor do que a Terra e tem apenas 1/6 da força de gravidade que tem a Terra. Devido o fato dela não ter nenhuma atmosfera envolvendo-a, ela acaba ficando suscetível ao ataque de pequenos corpos, por isso a sua crosta é cheia de crateras.

 

A Lua também executa movimentos de Rotação, Translação e Revolução (vide Movimentos da Terra). Contudo, o tempo de duração tanto da rotação quanto da translação é de 28 dias. Isso ocorre, pois o centro de massa da lua é diferente do centro de gravidade. Desta maneira, um lado da lua é mais atraido que o outro pela Terra, por isso dizemos que "sempre olhamos para o mesmo lado da Lua".

 

A Rotação da Lua

Fonte: http://astro.if.ufrgs.br/lua/lua.htm

 

 

  • AS FASES DA LUA

Conforme a Lua se movimenta em torno da Terra, a sua região iluminada pelo Sol vai mudando da mesma forma, fazendo com que ao longo deste movimento, o homem perceba na Lua, diferentes lados iluminados.

 

 

As quatro fases da Lua com relação a sua posição ao longo do seu movimento de Translação em torno da Terra

Fonte: http://bruno.rosenthal.vilabol.uol.com.br/fases_lua.htm

 

 

As oito fases da Lua

Fonte: http://www.magiazen.com.br/palavra-chave/fases

 

  • O FENÔMENO DAS MARÉS

As marés são movimentos que as águas e a atmosfera executam quando são influenciados (atração gravitacional) por outros astros próximos, como o Sol e a Lua.

 

O efeito das marés

Fonte: http://defeitoquantico.blogspot.com/2010/06/meres.html

 

 

Conforme o posicionamento da Lua, ela pode estar influenciando com mais, ou menos intensidade as águas e os ares, da mesma forma que quando existe um alinhamento de astros, a atração é ainda mais forte. Ainda temos que entender que as marés sobem e descem no mesmo dia em função do movimento de Rotação da Terra. As marés são ainda mais fortes na região equatorial da Terra, devido a força centrífuga existente no planeta. 

 

Os quatro tipos de marés

Fonte: http://www.aprh.pt/rgci/glossario/mare.html

 

 

Este fenômeno natural pode ser aproveitado para a geração de energia elétrica. É a chamada Energia Maremotriz. Os geradores funcionam quando a maré sobe, fazendo com que encha um reservatório. Quando a maré desce, existe agora uma diferença, que a partir da energia potencial faz com que a água passe por uma turbina, gerando assim energia elétrica.
 


---------------------------------------------------------------------------

Webnode